Clica.net
Publicar Conteúdo
22/04/2011 - Deus e a minha juventude !

Olá a todos, meu nome é Jean, e eu queria contar um pouco da minha história, e como conheci a Deus ..
Eu nunca fui uma pessoa de ir em igrejas, MUITO pelo contrário, era do tipo que passava na frente e gritava, sempre fui manipulado pela mídia, amigos, jornais e coisas do gênero.

Comecei a beber e a fumar cigarro com mais ou menos 12 anos, no tempo eu achava bonito, todo mundo botava pilha, eu era 'maneiro', morava no subúrbio da cidade, e isso cada vez ia aumentando, bebendo mais e mais, fumando mais e mais, toda vez que eu saía voltava bêbedo, fumava uma cartela de cigarro, mas até aí, 'sem nenhum problema', conseguia controlar, e até o momento era contra as drogas, achava maconha coisa de outro mundo, cocaína a primeira vez que eu vi, senti tanto medo que mudei o lado da calçada e fui correndo pra minha casa, até que aos meus 14 anos, em mais uma vinda pra casa depois da escola, um amigo meu começou a falar sobre maconha, que era bom, que não tinha problema, que vinha da natureza, e eu abracei a idéia, fui na casa dele pra fumar aquele dia, na verdade nesse dia não de 'brisa' nenhuma, não senti nada, nem na segunda, somente na terceira eu senti aquela sensação tão descritas por todos, e a partir daí não parei mais, o que era uma vez por mês, se tornou uma por final de semana, depois uma pra cada dia do final de semana, depois uma por dia da semana, até o dia que eu estava fumando mais de um cigarro de maconha, o famoso Baseado por dia, comecei experimentar lança-perfume, cola de sapateiro, anti-respingo de solda, amoníaco, gasolina, acetona, o que as pessoas falassem que daria 'brisa' eu tentava, mas parava por aí, era de leve, era da natureza, 'não' tinha mal nenhum, até que um dia eu sai da academia, e indo pra casa, encontrei alguns amigos antigos, fiquei na rua um pouco, e eles me contaram que estavam pra fazer um assalto, um sacou um revólver .38, outro uma faca, e tinham mais e mais cápsulas de cocaína, ligamos para um entregador de lanches para assaltarmos o mesmo, tirando a moto, o dinheiro e até o lanche, e todo mundo falando :
- Vai, pra tomar coragem cheira essa carreira!
E eu fui e cheirei, não dormi aquela noite de pilhado que fiquei, acelerado como chamam, por sorte do motoqueiro da lanchonete, ele não foi lá ..
E eu comecei a cheirar sem parar, todo final de semana, misturando álcool, maconha, e outras drogas, até que chegou um carnaval, eu não tinha dinheiro na época, e veio a brilhante idéia de comprar, e vender por mais caro, parecia uma ótima idéia, foi o que eu fiz, juntei com alguns amigos R$ 100,00, e compramos em maconha, e 20 vidros de lança-perfume, vendi tudo na noite, levantei um dinheiro, mas aquilo era um dinheiro sujo, um dinheiro não abençoado por Deus, um dinheiro do diabo, muitas pessoas acham que existe Deus e o Diabo, mas nenhum dos dois agem em nossas vidas, hipocrisia, AGEM SIM, basta você buscar ..
E depois de quase 3 dias sem voltar em casa, eu descubro que meus pais souberam de tudo o que eu tinha feito até então, eu não apanhei, nem um tapa sequer, mas NADA dói mais do que um sincero : - No que foi que eu errei ?
Aquilo me cortava por dentro, eu vendia a morte para os outros, a cocaína é o diabo ralado, a maconha o diabo plantado, e o Lança-Perfume o diabo em vidrinhos, eu chorei muito naquela noite, arrependido, E percebido o tanto que eu tinha me afastado do meu Deus, do meu senhor Jesus ..
Aah, já ia me esquecendo de mencionar que nesse meio tempo, eu tinha conhecido uma igreja .. eu conheci ela, conheci a Deus, mas as tentações, os desvios, as armadilhas eram maiores, e eu cai no mundo .. eu conheci da seguinte forma, eu estava em uma lanchonete bem badalada com 'amigos' e tinha um que era evangélico na época, e eu estava com uma cápsula e ia cheirar no banheiro, e ele olhou no fundo dos meus olhos e falou que se eu fizesse aquilo eu nunca mais precisava olhar pra ele, que aquilo não era atitude de homem, aquilo mexeu comigo, ora eu nem era amigo realmente dele, via ele na escola, e aquilo me mostrou que amigos são pessoas que querem o seu melhor, e não curtir sem parar até você morrer de overdose, e eu gostei dele, conheci a igreja dele, gostei demais, eu tinha o preceito que igreja evangélica era todo mundo de social, um pastor gritando e pedindo dinheiro, e uma pessoa sendo exorcizada, hahaha, é a verdade, muitos pensam isso quando lembram de Deus, mas não é assim, na primeira vez que eu fui, eu me prostei e comecei a chorar, Deus era a maior 'brisa' que eu já tinha sentido, é inexplicável, uma felicidade, o bem toma conta do seu coração, Deus é maravilhoso, mas como citei acima eu cai, cedi as tentações, hoje eu me envergonho de tudo o que eu fiz, se tivesse como voltar, MUDARIA TUDO, tudo o que eu fiz, serviu para o que ? AMIGOS ? DINHEIRO ? MULHERES ? não ganhei nada disso, só ganhei a decepção dos meus pais e o afastamento de Cristo, hoje faz mais de um ano sem Drogas, eu amo cada vez mais a Cristo, pra quem quiser conhecer uma igreja, recomendo o Bola de Neve, foi onde eu me batizei, e hoje estou buscando a Deus, Aleluia ao rei dos reis ! Amém !

E pra quem acha que 'queimar unzinho não pega nada', pense, você viverá até os 100 anos no máximo, e depois ? o que vale mais, 5 minutos de felicidade com drogas, ou uma vida eterna ao lado de Deus ?


Comentários

Pesquisar


Facebook


Parceiros



Parceiros: Bolsa de Valores | CPMStar Sponsorship Code
© Clica.net - Todos os Direitos Reservados